15 dias. do nascimento até hoje. parece que foi ontem, mas também parece que foi há uns 3 anos. (assim, estranho mesmo). ele cresce a cada dia e segue mudando a carinha, o beicinho, as manhas e manias. e eu continuo babando. olhando pra ele e lambendo a cria.

e dizem que é difícil, mas maravilhoso ser mãe. eu diria que difícil é pouco. me sinto sugada, sem uma gota sequer sobrando pra contar história. sou TODA dele. 24 por 7. e ele me quer e sempre e mais. e sigo me doando, me entregando…  o quanto posso e mais um téquinho.

mas é verdade que é maravilhoso. bom-bom-bom. gostoso olhar pra ele. me deliciar com seus olhares, suas mãozinhas, seu cabelinho claro… e o cheirinho, gente??? ai MEU DEUS como amo sentir o cheirinho dele! e se ele chora eu sofro, se ele fica quietinho brincando eu sinto uma felicidade indescritível, se ele grita de fome quero saciá-lo o quanto antes… e quando ele solta aqueles barulhinhos “ahnnn/huhu/glup” eu d-e-r-r-e-e-e-e-e-e-t-o. definitivamente: vale a pena.

e assim vamos seguindo nessa rotina gostosa e trabalhosa… ele num círculo vicioso (mamar/fazer xixi.cocô/dormir) e eu crescendo e me descobrindo mãe.

dsc09234
meu Petit

meu Petit

Anúncios